Imagem utilizada em um dos posts de blog em CrossNews do site da Crossfit Barigui.

Homens das Cavernas ainda existem

Sim, exatamente o que você leu, os homens das cavernas ainda existem e um deles está lendo este texto agora.

As chances de você entrar pela primeira vez em uma academia de CrossFit e escutar inúmeras vezes a palavra “Paleo”, são enormes. Mas afinal, o que significa essa palavra que os Crossfitters tanto falam?

Eu começo o primeiro episódio desta coluna tentando situá-los onde estamos e de onde viemos, antes de propriamente entrar nos méritos dietéticos e nutricionais.

O Período Paleolítico e A Dieta Paleo

O período Paleolítico é o período pré-histórico que compreende 2,4 milhões de anos atrás, até cerca de 10.000 anos. Durante esse período nosso gênero Homo surgiu e evoluiu, caracterizado pela presença de mais de 20 espécies de hominídeos, as quais coexistiram por todo esse período.

Evidências arqueológicas mostram que todas as espécies do gênero Homo tinham uma dieta onívora, que variava conforme a localização, porém o consumo de alimentos de origem animal era importante parte da dieta.

Conforme a evolução se deu, as espécies mais evoluídas começaram a apresentar um aumento da massa encefálica e consequente diminuição do tamanho total do intestino. Sendo assim, gerou a necessidade de dietas com maior valor nutricional devido ao gasto calórico muito aumentado do cérebro, teoria conhecida como “expensive tissue hypothesis”. A quantidade de vegetais e frutas na dieta diminuiu, e os nutrientes de origem animal começaram desempenhar papel mais fundamental na dieta. Em resumo, durante esse período de 2,4 milhões de anos nós evoluímos e prosperamos a partir de uma dieta onívora baseada em nutrientes de origem animal, se alimentando basicamente de carnes, gordura animal, ovos, verduras e poucas frutas.

Nossa espécie Homo sapiens surgiu a cerca de 200 mil anos atrás, caracterizada por um cérebro extremamente desenvolvido que possibilitou a expansão da população e domínio dos mais variados ambientes da Terra. Éramos onívoros, caçadores-coletores, nômades e tribais até 10mil anos atrás, quando ocorreu um evento que mudou a história da humanidade.

Imagem utilizada em um dos posts de blog em CrossNews do site da Crossfit Barigui.

 

A “Revolução Neolítica” é a expressão criada pelo arqueólogo australiano Gordon Childe para designar o movimento dado na Pré-História. Marcou o fim dos povos nômades e o inicio da sedentarização do homo sapiens, com o aparecimento das primeiras vilas e cidades, isso tudo permitido pela invenção da agricultura e estocagem dos alimentos. O Período Neolítico compreende 10.200 a.C à 4.000 a.C. Nesse período que se iniciou a Cultura, as artes, o conhecimento humano registrado e o domínio do homem dos mais inóspitos ambientes. Nós nos tornamos a espécie dominante do planeta, mas às custas de uma piora substancial da saúde geral da população.

Evidências arqueológicas mostram uma significativa queda na estatura média e na expectativa de vida da população. Isso se deu pela piora da qualidade da dieta, que passou de uma dieta onívora com consumo grande de alimentos animais, para uma dieta baseada em grãos, rica em carboidratos e pobre em micronutrientes. Diferente do período Paleolítico em que a fome durava curtos períodos de tempo (até a próxima caçada), no período Neolítico quando a colheita não prosperava a população ficava em inanição por vários meses até o término do próximo plantio. Devido à desnutrição, logicamente a saúde geral da população piorou, adicionado o fato de estarmos agora aglomerados em cidades e em espaços fechados, iniciaram-se as epidemias de doenças infecto-contagiosas, piorando ainda mais a qualidade de vida dos nossos antepassados.

Nos períodos que se seguiram, Idade Antiga (4.000 a.C – 476 d.C), Idade Média (476 d.C – 1.453 d.C) e a Idade Modera 1.453 d.C – 1.789 d.C), diferente do que a maioria das pessoas imagina a saúde da população, estatura média e expectativa de vida se mantiveram estáveis. Apenas na Idade Contemporânea que melhoraram, devido ao advento da medicina moderna, saneamento e diminuição dos combates e guerras.

Em resumo, nós existimos e prosperamos por um período de 2,4milhões de anos em um estilo de vida caçador-coletor, nossa ultima evolução foi a 200 mil anos, e a cerca de 10mil anos atrás mudamos radicalmente nossa dieta e simultaneamente pioramos a saúde geral dos seres humanos. Se colocarmos em uma régua de 1 metro os períodos da história do homem, sendo o zero (2.4 milhões de anos) e o 100 cm (hoje), a agricultura foi inventada nos últimos 0, 41cm (4,1mm). Pensando assim, qual dieta você acha ser a nossa dieta “original”? A dieta para a qual evoluímos para utilizar?

Assim, termino uma breve descrição do nosso passado, espero que gostem da coluna, e, estou aberto a comentários e dúvidas, tentarei auxiliar no que puder.

Dr. Massao é Formado em Cirurgia Geral e Cirurgia do Aparelho Digestivo pelo Hospital Universitário Evangélico de Curitiba e Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva. Atua na área de Cirurgia Bariátrica e Metabólica

 

Leia também:

Pirâmide do CrossFit

Dieta Ocidental e as Doenças da Civilização

Comente

Leia também

  • Imagem utilizada em um dos posts de blog em CrossNews do site da Crossfit Barigui.
    Saiba Mais
    Entrevista | Eliaquim Luiz Guimarães
    Nosso crossfitter Eliaquim Luiz Guimarães é um verdadeiro exemplo de força de vontade. Em menos de 6 meses, Kim já perdeu 32 kg fazendo...
  • Saiba Mais
    Afinal, o que são movimentos funcionais?
    Você com certeza já ouviu falar sobre eles. Você sabe que eles auxiliam no seu dia-a-dia. Mas você conhece os tais movimentos funcionais? Antes de...

001 / Mercês

Av. Manoel Ribas, 2658, Barracão 7 e 8
Curitiba PR

41 3524.3300

barigui01@crossfitbarigui.com.br

002 / Juvevê

Rua Augusto Stresser, 1619
Curitiba PR

41 3149.0202

barigui02@crossfitbarigui.com.br

crossfit-journal crossfit-kids
icone-certificacoes

Confira nossas Certificações